O Problema São Varizes? Conheça Os Fatores De Riscos e Prevenção.

Fatores de risco que não podem ser mudados:

Não temos como interferir em algumas condições que favorecem o aparecimento de varizes. Embora sejam fatores de risco imutáveis, servem de alerta para que as pessoas redobrem a atenção diante de possíveis manifestações iniciais da doença e procurem tratamento. São eles:

O Problema São Varizes? Conheça Os Fatores De Riscos e Prevenção.

  • Predisposição genética

Pessoas com história familiar da doença devem preocupar-se com a prevenção dos problemas circulatórios desse cedo e adotar medidas que ajudem, pelo menos, a retardar o processo;

  • Idade

À medida que as pessoas envelhecem, as veias vão perdendo a elasticidade e o sistema de válvulas enfraquece, o que dificulta o retorno do sangue venoso para o coração e os pulmões e favorece o aparecimento das deformações características das varizes;

  • Sexo

As mulheres estão mais sujeitas a desenvolver varizes. Alterações como:

  • hormonais durante a gravidez,
  • menstruação,
  • menopausa,
  • uso de pílulas anticoncepcionais,
  • reposição hormonal são fatores de risco, porque os hormônios femininos, estrogênio e progesterona, agem sobre a parede dos vasos, diminuem sua resistência e comprometem o funcionamento das válvulas que regulam a passagem do sangue.

Fatores de risco que podem ser mudados:

Existem, entretanto, fatores de risco para as varizes que são mutáveis, isto é, sobre os quais podemos influir, propor mudanças nos estilo de vida visando à prevenção, ou tratar, quando for o caso. Entre eles, merecem destaque:

  • Sedentarismo

A atividade física é fundamental na prevenção e tratamento das varizes. Exemplo:

  • Praticar exercícios estimula o sistema circulatório como um todo e facilita o retorno do sangue para o coração;
  • Obesidade

O sobrepeso e as complicações associadas (pressão alta e diabetes são duas delas) representam sobrecarga para o sistema circulatório e aumentam o risco de desenvolver varizes. Alimentação equilibrada e a prática regular de exercícios físicos são medidas fundamentais para diminuir o risco que o excesso de peso representa;

  • Tabagismo

As substâncias que entram na composição do cigarro deixam o sangue mais viscoso, o que dificulta a circulação e favorece seu acúmulo nas veias das pernas. Largar o cigarro é uma medida de que não só as pernas, mas todo o organismo se beneficia;

Gostou do artigo!

Inscreva-se na nossa newsletter e receba grátis nossas novidades

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.