É Normal Suar Enquanto Dormimos? Veja O Que Pode Ser

O consumo de determinados medicamentos pode aumentar nosso ritmo cardíaco e fazer com que os vasos sanguíneos da pele se dilatem.

O consumo de determinados medicamentos pode aumentar nosso ritmo cardíaco e fazer com que os vasos sanguíneos da pele se dilatem. Como consequência, pode ocorrer a transpiração.

Suar é um mecanismo de resfriamento natural do corpo e, geralmente é ativado em ambientes com altas temperaturas ou quando praticamos algum tipo de exercício físico.

Ou seja, em determinadas situações e condições é compreensível. No entanto, suar enquanto dormimos pode ser desconfortável e alarmante.

Embora possa haver muitas razões para a transpiração durante a noite, aprender a reconhecer os sintomas e as causas te ajudará a entender essa condição. A pergunta que não quer calar.

Por que suamos enquanto dormimos?

O consumo de determinados medicamentos pode aumentar nosso ritmo cardíaco e fazer com que os vasos sanguíneos da pele se dilatem.

É normal suar enquanto dormimos?

Ninguém gosta de acordar em uma poça de suor no meio da noite. No entanto, para encontrar a possível causa dos suores noturnos é importante considerar todas as variáveis ​​possíveis.

O primeiro e mais óbvio aspecto que devemos levar em consideração é a temperatura e o conforto geral do ambiente em que dormimos, ou seja, o nosso quarto.

Outros possíveis fatores que podem contribuir para os suores noturnos podem ser: pijamas, cobertores pesados, um colchão velho que pode causar desconforto ou até um ambiente com ruídos.

Outro fator importante e que pode estar associado aos suores frequentes é a saúde em geral. Você mudou sua dieta? Você se sente cansado(a)?

Além disso, os sintomas de gripe, por exemplo, incluem febre, que é uma resposta normal à infecção.

Dessa forma, o fato de suar enquanto dormimos ser uma febre associada a sintomas de gripe ou resfriado durante uma ou duas noites. Mas, se passar disso, pode ser algo mais sério.

Uma das causas mais comuns de suores noturnos nas mulheres está associada à menopausa, decorrentes das alterações hormonais no corpo.

Homens não estão livres desses sintomas.

Alguns homens que sofrem de deficiência de testosterona ou que estão tomando medicamentos que bloqueiam a testosterona podem ter efeitos semelhantes.

Provavelmente, a maioria dos homens não admitirá que está enfrentando ondas de calor. Mas a privação de androgênicos pode causar suores noturnos. [Fonte: Harvard Medical School].

Quais outros fatores podem nos fazer suar enquanto dormimos?

Muitos medicamentos podem aumentar a frequência cardíaca e provocar a dilatação dos vasos sanguíneos na pele, o que também pode causar transpiração excessiva. Antipiréticos ou medicamentos para baixar a febre são os mais comuns.

Doenças infecciosas, como a tuberculose e a AIDS, também são conhecidas por provocar suores noturnos.

Uma febre persistente, que é muitas vezes acompanhada por suores noturnos, costuma ser comum entre pessoas com HIV.

Doença de Hodgkin, um tipo de linfoma, é outra doença infecciosa que muitas vezes provoca febre e suores noturnos em pacientes.

O consumo de álcool durante a noite também é um fator que pode nos fazer suar enquanto dormimos.

Ingerir um copo de vinho antes de dormir pode ajudar a adormecer. Entretanto, estudos têm demonstrado que o sono induzido pelo álcool é menos repousante e pode provocar dores de cabeça e suores noturnos. [Fonte: Academia Americana de Médicos da Família].

Outro possível fator que pode nos fazer suar enquanto dormimos é a ingestão de comida apimentada.

Embora não cause um desconforto imediato, durante a digestão desses alimentos picantes, pode ocorrer o aumento da temperatura da pele.

Algumas pessoas também têm uma doença chamada hiperidrose, que causa transpiração excessiva durante o dia e a noite.

Soluções naturais para os suores noturnos

A primeira e mais óbvia é ficar atento(a) ao ambiente interno. Enquanto a maioria dos médicos recomenda uma temperatura para dormir entre 18-22 graus, o melhor mesmo é encontrar uma temperatura adequada e que nos agrade para o ambiente de sono.

Evitar momentos de estresse e ansiedade também é uma boa ideia porque podem provocar suor excessivo. Nervosismo e ansiedade são causas comuns de suor excessivo, tanto durante dia quanto à noite.

Por exemplo, se você vai se casar ou tiver uma entrevista de emprego, é comum que ocorra a sudorese um pouco mais forte do que o habitual.

Mas se os suores noturnos continuarem por semanas após o “grande dia”, você deve informar seu médico.

Gostou do artigo!

Inscreva-se na nossa newsletter e receba grátis nossas novidades

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.