Caroços no Pescoço| O que podem Ser e Possíveis causas?

A maioria dos caroços no pescoço são linfonodos ou popularmente conhecidos como “ínguas”. São pequenos órgãos de defesa espalhados pelo todo corpo, em alguns pontos são mais visíveis como é o caso do pescoço.

Nosso sistema imunológico é composto por células que defendem o organismo de agentes estranhos, mantendo seu equilíbrio e enviando respostas quando algo não vai bem. Nesse sistema, existem os gânglios linfáticos, que realizam exatamente esta função, ou seja, eliminar aqueles agentes do corpo. Um caroço ou nódulo no pescoço, por exemplo, indica vários motivos, dos simples aos mais complexos, necessitando de uma avaliação apurada. Confira abaixo o que desencadeia os caroços no pescoço, os sintomas:

O que desencadeia os caroços no pescoço?

Existem várias causas que levam ao aparecimento de caroços no pescoço. Dentre eles estão:

 Caroços no Pescoço| O que Podem Ser?

  • Íngua, ou seja, um linfonodo inchado devido a infecções na garganta, por exemplo;
  • Gripe, resfriados, alergia;
  • Infecções por vírus, herpes ou HIV;
  • Amigdalite;
  • Tuberculose;
  • Bócio;
  • Rubéola;
  • Caxumba;
  • Alterações na tiroide;
  • Contratura no pescoço (quando o músculo se contrai de forma incorreta);
  • Reações alérgicas (por certos agentes externos, alimentos ou medicamentos);
  • Faringite bacteriana ou viral;
  • Linfoma de Hodgkin (tumor maligno do tecido linfático);
  • Câncer de boca, tiróide, cabeça ou pescoço;
  • Lipoma (tumor benigno do tecido gorduroso da pele).

Leia também: Conselhos Para Evitar o Terrível Torcicolo. Confira!

Sintomas

Estes caroços podem aparecer em qualquer parte do pescoço (nuca, parte de trás ou da frente do pescoço, ou atrás das orelhas). Os sintomas que podem acompanham este problema são:

  • Nódulos que podem ou não causar dor;
  • Desconforto ao engolir ou falar;
  • Inchaço da região;
  • Rouquidão ou mudança da voz;
  • Feridas na boca (em alguns casos);
  • Dificuldade em respirar (em alguns casos).

Caso os nódulos atinjam a tiroide, alguns sintomas característicos do hipertireoidismo podem ocorrer como:

  • Pulsação rápida;
  • Aumento de apetite ou perda de peso;
  • Nervosismo;
  • Agitação;
  • Pele ruborizada e ressecada;
  • Fadiga.

Sempre procure um médico ao menor sinal estranho em seu corpo. Prevenir é sempre o melhor remédio.

Possíveis causas dos caroços no pescoço:
1 – Problemas na tireoide

A presença de caroço no pescoço pode estar relacionada a problemas da tireoide. Essa glândula endócrina se encontra na região inferior do pescoço, mais precisamente abaixo do “gogó”, ou pomo de adão nos homens, e tem como função armazenar e produzir hormônios que controlam o metabolismo.
Sintomas como dor, desconforto, dificuldades para engolir e saliência no local podem ser sinônimos de nódulos benignos ou malignos, como o câncer.
Qualquer alteração nessa região deve ser avaliada por um médico endocrinologista, para que ele possa solicitar exames, como ultrassonografia e biópsia para um melhor diagnóstico.
Se o nódulo for benigno, o tratamento poderá ser apenas o acompanhamento clínico. No entanto, se for maligno, certamente o médico vai incluir o uso de medicamentos contínuos e a possibilidade de cirurgia para retirada do nódulo.

2 – Gânglios linfáticos inflamados

Os gânglios linfáticos são responsáveis por ajudar o sistema inume a combater infecções. Porém, na presença de algum tipo de microrganismo, eles aumentam de tamanho, tonando-se inflamados e podendo apresentar caroços, que são conhecidos popularmente como íngua.
Quando a garganta e o ouvido estão inflamados ou há uma infecção no dente e até mesmo um processo gripal, por exemplo, pode surgir uma íngua na lateral do pescoço, deixando o local inchado e dolorido quando tocado.
Geralmente, os gânglios inflamados costumam ser benignos e passageiros após a resolução do processo infeccioso ou inflamatório. Porém, se os sintomas permanecerem por mais de duas semanas e o indivíduo apresentar febre, sudorese noturna e perda de peso, é preciso consultar um médico para um diagnóstico correto e a fim de afastar problemas mais sérios, como por exemplo as neoplasias, sarcoidose e até mesmo doenças infecciosas mais graves (toxoplasmose, tuberculose, mononucleose, rubéola, AIDS , dentre outras).

3 – Contratura ou contração no pescoço

O aparecimento de um caroço dolorido no pescoço também pode ser contratura muscular. Isso acontece quando o músculo atrás do pescoço se contrai de maneira errada e tem dificuldade para voltar ao normal.
Em geral, a contratura pode causar incômodo, dor e rigidez do local, consequentemente, limitando os movimentos do pescoço.
Para aliviar e tratar esse problema, recomenda-se utilizar remédios para dores musculares, massagear a região e fazer alongamentos no pescoço. Além disso, aplicar compressas ou bolsa de água morna ajuda a relaxar a musculatura.
No entanto, se o desconforto persistir por mais de 7 dias, é importante consultar um médico ou um especialista.

4 – Câncer ou tumor no pescoço

Em situações mais graves, o aparecimento de um nódulo no pescoço pode ser um sinal de câncer. Na medida em que vai se desenvolvendo, pode vir acompanhado de alguns sintomas, como dor de garganta frequente e sem melhora, dificuldade para engolir, rouquidão ou alteração da voz, diminuição do apetite, febre e cansaço.
Nódulos de característica maligna podem ser endurecidos, apresentar pouca ou nenhuma dor a palpação , serem irregulares em seu formato e muitas vezes aderidos as outras estruturas próximas.
Nesse caso, com surgimento de qualquer um desses sintomas, o médico devera ser consultado o quanto antes.

5 – Cisto sebáceo

Esse tipo de caroço, também chamado de cisto epidérmico, é um nódulo benigno que se forma fora das glândulas sebáceas quando elas estão bloqueadas.
Composto por sebo, os cistos medem poucos centímetros, têm formato arredondado e não causam dor quando pressionados. No entanto, quando estão inflamados os sintomas mais comuns são dor, aumento da temperatura, vermelhidão local e em alguns casos, ate saída de secreção com pus a qual necessita de avaliação medica para uso de antibióticos.
O tratamento mais adequado deve ser realizado por um dermatologista, que vai identificar o cisto por meio de exame físico e indicar a realização de cirurgia se houver necessidade.
O nódulo no pescoço pode ser causado por diversos fatores — que vão desde um cisto benigno até um problema mais sério. Por isso, estar atento a qualquer alteração em seu corpo é fundamental para prevenir doenças mais graves.

Quando consultar um médico

As pessoas que têm algum tipo de caroço no pescoço por muitos dias devem procurar um médico, particularmente pessoas com sinais de alerta. Usualmente, eles podem ser vistos por uma semana, a menos que se tenha outros sintomas (como febre) que justifiquem uma consulta mais cedo.

Gostou do artigo? Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos!!!

Gostou do artigo!

Inscreva-se na nossa newsletter e receba grátis nossas novidades

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Pin It on Pinterest

Share This

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.