Pó Compacto| O Coringa Nas Maquiagens. Sua Pele Agradece.

Definitivamente, o pó não faz parte do kit básico de maquiagem de muitas mulheres. Tudo bem que ele sozinho não funciona como um batom ou uma máscara para cílios. ...

Definitivamente, o pó não faz parte do kit básico de maquiagem de muitas mulheres. Tudo bem que ele sozinho não funciona como um batom ou uma máscara para cílios. Mas, usado na medida certa, pode ser de grande valia na sua produção. Sua função principal é tirar o brilho excessivo da face muito oleosa, o que faz com que seu uso fique mais restrito a esse tipo de pele.

Para começar, é preciso saber como escolher o pó mais indicado para sua pele. Existem dois deles, que desempenham diferentes funções. Um é o compacto, recomendado para esconder imperfeições por conta de sua textura mais consistente. O outro é o solto, que funciona bem para eliminar o brilho da pele sem deixar o visual carregado, pois adere melhor ao pincel e é mais fácil de tirar os excessos.

O meio da testa, as laterais do nariz, embaixo dos olhos e o centro do queixo são os lugares que sempre pedem uma aplicação de pó para disfarçar a oleosidade. O certo é dar uma leve pincelada quando a pele não é muito oleosa. Do contrário, use apenas o necessário para que o look não fique carregado.

Quem tem pele ressecada deve ter cuidado na hora de aplicar o pó, pois ele pode dar um aspecto ainda mais seco. Em situações como essas, não se esqueça de fazer uma boa hidratação com um creme para o rosto antes de passar qualquer cosmético.

Ele nunca pode ser utilizado sem uma camada de base por baixo. Ele deixa os traços do rosto muito em evidência, por isso precisa dessa primeira etapa. Juntos, os dois são aliados do corretivo e ajudam a disfarçar aquelas espinhas ou marquinhas indesejadas.

Pó Compacto| O Coringa Nas Maquiagens. Sua Pele Agradece.

Fixação da maquiagem

Um outro cuidado na hora de usar o produto deve ser tomado pelas pessoas mais maduras, que têm a pele um pouco mais flácida e com rugas. Na tentativa de uniformizar, podem acabar errando a mão e exagerando. Isso faz com que o pó corra o risco de se acumular entre uma ruguinha e outra, o que vai causar justamente o efeito contrário ao esperado. As pálpebras caídas também sofrem do mesmo problema. Nesse caso, lembre-se que menos é mais e use com cautela.

O pó é ainda um grande aliado na fixação do make. No caso do batom, se você antes de passá-lo usar corretivo e um pouquinho de pó nos lábios, vai perceber que sua boca ficará maquiada por muito mais tempo. Outro truque é para não borrar as pálpebras com o lápis ou o delineador.

Antes de utilizá-los, aplique uma textura bem fininha de pó na região. Você perceberá que ela não ficará tão escorregadia como naturalmente é.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.