A Importância da Aveia Na Alimentação

Bastam 3 colheres por dia, ou meia xícara de chá, para controlar o colesterol e manter as taxas de açúcar no sangue sob medida. Ainda fortalece as defesas e afugenta os tumores. Ela é o típico ingrediente que está no topo da lista de qualquer repertório dos Nutrólogos, ou dos especialistas em nutrição. Foi um dos primeiros alimentos a receber o título de funcional – além de fornecer substâncias essenciais ao organismo, ela é capaz de prevenir certas doenças. É versátil para o consumo, uma vez que pode ser misturada às saladas de frutas ou folhas, no preparo de massas para pães e biscoitos, nos mingaus e sucos, e outros.

Entre os seus nutrientes, um merece destaque singular. Trata-se de uma fibra mais que especial denominada Betaglucana, que depois de fermentar no intestino grosso é responsável pela a criação de moléculas que atuam no combate a microrganismos nocivos e também reduz o colesterol, dentre outros benefícios.

Os Benefícios Comprovados

Rica em fibras, a aveia é um item obrigatório de quem pretende conservar os níveis de açúcar no sangue sob controle. Isso mesmo, o cereal ajuda a evitar a sobrecarga de glicose e de insulina, o hormônio que leva os compostos açucarados para dentro das células. As fibras permitem que a glicose seja absorvida de maneira lenta e gradual, o que, por sua vez, regulariza a liberação de insulina.

Não é a toa que o cereal já é um forte aliado para quem sofre de Diabetes tipo 2, uma vez que suas fibras diminuem os picos de glicemia. Como ela prolonga o efeito de saciedade, o organismo entende que não mais precisa liberar glicose, o que ocorreria caso a pessoa ainda não se sentisse plenamente saciada, ou seja, com fome.

aveia

Dicas simples para consumo

> A recomendação dos nutrólogos é consumir, no mínimo, três colheres de sopa de farelo de aveia por dia, algo equivalente a meia xícara de chá.

> Vale polvilhá-lo sobre a salada de frutas ou de folhas, ou usá-lo no preparo de uma massa para bolos, pães ou biscoitos.

> Se preferir, invista em quatro colheres de sopa da farinha obtida do cereal.

Conheça a 3 principais versões para consumo e as características de cada uma.

Flocos: Trata-se do grão prensado integralmente – um processo que conserva seus principais nutrientes. Pode ser polvilhado sobre frutas, saladas e iogurtes. A versão de flocos finos – quando eles são submetidos à moagem – é tradicionalmente usada no preparo de sopas, mingaus e tortas.

Farelo: Esse tipo provém da camada externa do grão e, por isso, conta com a maior concentração de fibras Betaglucanas – são 9 gramas para cada 100 do farelo. Pode ser salpicado sobre um prato já pronto, sucos, ou ser misturado à massa de pães, bolos, biscoitos e outros.

Farinha: Costuma ser obtida da parte interna do grão e, assim, perde na porção de fibras para o farelo e o floco. É empregada principalmente nas receitas de pães, panquecas e bolos, e devido aos seus nutrientes, torna-se uma alternativa mais saudável à farinha de trigo, apesar do alto teor de Glúten de ambos.

Importância da Aveia na alimentação

Conheça os ingredientes que tornam esse cereal tão nutritivo.

Fibras: A aveia contém duas versões da substância: as insolúveis, que dão consistência ao bolo fecal, e as solúveis, ricas em Betaglucana, que, ao serem fermentadas no intestino, protegem o mesmo e diminuem o colesterol.

Vitaminas: Ela é reduto de vitaminas do complexo B – Niacina (Vitamina B3), Tiamina ( Vitamina B1) -, fundamentais para manter a saúde mental e a energia do corpo. Além disso, tem vitamina E, cuja ação antioxidante previne estrago às células causados pelos radicais livres.

Minerais: Ali vamos encontrar o Zinco, que também acaba com as colônias de radicais livres. Ainda temos silício, um mineral importante na produção de colágeno, aquela substância responsável pela firmeza e elasticidade da pele, e que mulheres e homens com mais de trinta anos começam a perder. Ele também fortalece unhas e cabelo.

Outros: Selênio, Ferro, Magnésio, Fósforo e Cobre.

Proteínas: É um dos grãos com maior valor proteico, disponibilizando nutrientes essenciais a diversos tecidos e funções do corpo. Nesse ponto, deixa concorrentes como o trigo a anos luz de distância.

Ainda tem mais!!

Os benefícios da aveia parecem não ter fim. Ela ainda é uma forte aliada na prevenção de tumores. Esse potencial vem justamente das heroicas fibras, que atuam na linha de frente na defesa do intestino.

Os Possíveis efeitos colaterais são mínimos

  • Como o farelo da aveia causa saciedade, para os gulosos pode ser um tiro no pé.
  • Pode aumentar o volume da evacuação e provocar gases intestinais.
  • Casos raros de Dermatite de Contato (Coceira na pele em contato com o farelo) foram relatados em pessoas mais sensíveis.

AVISO: Celíacos deverão evitar o consumo pois o grão contém Glúten. Também já existe a variedade sem Glúten, basta procurar um pouco nas casas especializadas em produtos naturais.

Conclusão: O que você está esperando para adicionar imediatamente em sua dieta regular a ingestão de aveia?

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.